10 motivos que estão te fazendo perder contratos de locação

Tempo de leitura: 6 minutos

Seguindo a mesma lógica de que manter um cliente é muito mais barato do que conquistar novos, não rescindir contratos de locação é tão importante quanto fazer novos contratos.

Sabemos que a maioria das locações tem um prazo de validade, sobretudo as locações residenciais, pois ninguém quer morar de aluguel o resta da vida.

Inclusive, pesquisas comprovam que comprar a casa própria está entre os maiores sonhos do brasileiro. Ou seja, este é até um motivo natural, mas nem sempre as rescisões ocorrem por causa disso. E você sabe o real motivo que está perdendo contratos?Você mede isso? O que você faz em relação a cada um dos motivos para tentar minimizar o número de rescisões?

Hoje falaremos um pouco sobre os principais motivos de rescisão, para que você possa agir de forma estratégica.  Vamos entender cada um deles e pensar o que pode ser feito para melhorar os resultados e diminuir os prejuízos, ou seja, literalmente fazer do limão um limonada.

Valor do aluguel

preco-do-aluguel

Se o contrato acabou e seu cliente está pensando em reduzir despesas, ele poderá procurar outras opções de imóveis mais baratos, sem fugir muito do perfil desejado. Se ele encontrar e você não tiver um relacionamento com este cliente, a rescisão chegará em breve. Mas será que você não poderia ter negociado este valor e não ter perdido este contrato? Por isso a importância de estar sempre em contato com seus clientes, entendendo suas necessidades e mantendo-os satisfeitos.

Alugou outro imóvel

alugou-outro-imovel

 

Outra situação, é quando o cliente pretende trocar o imóvel. Seja porque a família cresceu e ele precisa de um quarto a mais, outra vaga de garagem, ou até mesmo se mudar para outro bairro. Agora, pense: O cliente rescindiu o contrato mas alugou outro imóvel. Este outro imóvel foi alugado na sua imobiliária? Se a resposta foi não, perceba que este foi um cliente que você não poderia ter perdido, concorda? Ele já possui relacionamento com a sua imobiliária, ficha aprovada, sabe como funciona, mas optou por contratar outra imobiliária. Isso pode ter acontecido por dois motivos: ou porque ele está insatisfeito com o seu trabalho ou porque você não tinha o imóvel que ele procurava, o que é sinal que precisa investir mais no setor de captação.

Comprou outro imóvel

comprou-outro-imovel

Assim como na situação acima, seu cliente precisava de outro imóvel, mas nesse caso conseguiu recursos para alcançar a tão sonhada casa própria. Ou seja, o caso se repete: Ele comprou com você ou perdeu a grande chance de vender um imóvel pra esse cliente? Neste caso a situação só é um pouco pior, pois você deixou de gerar uma venda, um negócio bem mais lucrativo.

Mudou de cidade

mudou-de-cidade

A não ser que você possua filiais da imobiliária na cidade destino do cliente, neste caso, infelizmente não se pode fazer nada. Inclusive, vale lembrar que mesmo se o contrato estiver vigente, o locatário ficará isento da multa rescisória, conforme artigo 4º da Lei 8.245/91 (Lei do Inquilinato). Clique aqui e saiba mais sobre a Lei do Inquilinato.  

Fechou empresa

fechou-empresa

Este é um motivo consequência das dificuldades financeiras enfrentadas pelos empresários brasileiros, e ocorre com contratos não residenciais.  Infelizmente, é mais um motivo que te deixa de mãos atadas, pois independe da imobiliária, o sucesso ou insucesso de uma empresa.

Insatisfeito com o imóvel

insatisfeito-com-o-imovel

Quando as características do imóvel não estão atendendo as necessidades do cliente, ele provavelmente procurará outro com mesmo perfil. Esse é o tipo de motivo que na maioria das vezes pode ser resolvido. Então, é fundamental que a imobiliária esteja atenta a solucionar os problemas que surgem no imóvel no decorrer da locação para evitar a rescisão por insatisfação com o imóvel. Em último caso, você pode oferecer outro imóvel com mesmo perfil, mas não perder o cliente.

Locador pediu o imóvel para uso próprio

locador-pediu-o-imovel-para-uso-proprio

Também um motivo que não dá margens para imobiliária negociar. É um desejo do locador reaver o imóvel, e portanto, o contrato com atual locatário poderá ser rescindido. Mais uma vez, procure um imóvel com perfil semelhante e ofereça a seu locatário. Assim, ele poderá gerar um novo contrato com você.

Despejo

despejo

O despejo é uma situação extrema, mas ainda assim, talvez esse seja o único motivo de rescisão que seja tratado com alegria dentro da imobiliária. Em geral, são rescisões motivadas pela inadimplência do aluguel pelos locatários, então quanto antes ele entregar o imóvel, melhor.

Dificuldade Financeira

reduzir-custos

Assim como nos casos em que a empresa fechou, foge do alcance da imobiliária contornar essa situação. Seja por uma crise econômica que o país atravessa, ou porque o locatário perdeu o emprego e não consegue mais pagar o aluguel, o contrato será rescindido. Nestes casos, um dica é tentar oferecer um imóvel mais barato, com perfil diferente, para tentar reter o cliente.

Outros

Cuidado com o “outros”! Caso este motivo esteja predominando seus indicadores de motivo de rescisões, priorize as pesquisas para identificar quais são os motivos reais, e assim agir preventivamente.

Dicas:

dica-de-ouro

  • Dica 1 : A maioria das vezes a rescisão não é nenhuma surpresa, você recebeu o Aviso Prévio de 30 dias e pode tentar contornar a situação e recuperar a locação.
  • Dica 2: O Aviso Prévio pode ser (e quase sempre é) tarde demais. Os locatários estão bem decididos quando tomam a decisão de rescindir um contrato de locação, tendo em vista que implica em situações mais complexas, como: mudança, vistorias, custos de reforma do imóvel, procura de outro imóvel para alugar ou comprar, etc.
  • Dica 3: Trate o seu inquilino como ele merece durante todo processo de locação.  Assim certamente você saberá se ele quer alugar ou comprar outro imóvel e a preferência poderá ser sua.
Leia também  Por que você deve construir e manter relacionamento com seus clientes?

Conclusão:

Rescisões sempre irão acontecer no dia a dia da sua imobiliária e o nosso objetivo nesse post não é inventar nenhuma fórmula milagrosa, mas sim ações reais e efetivas para diminuir o número de rescisões. Lembre-se: o importante não é só medir e saber os motivos das rescisões, mas sim ter um plano de ação rápido e eficiente para diminuir as rescisões e permitir que sua carteira cresça de forma consistente. E de preferência, que você também possa acabar com os motivos: alugou ou comprou outro imóvel que não seja dentro da sua imobiliária.

Assim, você mantém o locatário satisfeito, o locador satisfeito e a imobiliária ainda muito mais satisfeita, pois garante a recorrência do recebimento de sua taxa de administração.

Baixar Plano de Ação

4 Comentários


  1. Gostei muito sobre a matéria e é a primeira vez que vejo um artigo tratando sobre as perdas do cliente locatário.
    No ano passado me propus a aumentar a minha carteira de locação ( nunca havia ligado para locação) para que ela respondesse pelas despesas do escritório . Aumentei a comissão de captação para os corretores e passei auxiliar diretamente a locação junto as vistorias de entrada e saída e depois de um ano não consegui atingir nem metade da minha meta. E realmente entrou novos contratos mas ocorreram as saídas e ocasionando muito pouco a mais de renda no departamento. Gostaria de saber se existe algum tipo de campanha que possa fazer para melhorar a minha renda com locações. Obrigado.

    Responder

    1. Olá Manoel! Que bom que gostou de nosso artigo!
      Bom, primeiro é necessário entendermos o por quê das rescisões para tentar agir com antecedência. Outra dica, é você avaliar como andam as suas captações, se são de qualidade u só quantidade? http://bit.ly/Captacao
      Conheça também nosso sistema de gestão de locação Imoview ADM, que poderá te ajudar muito no dia a dia: http://bit.ly/29j6UP5

      Espero que tenha te ajudado!
      Abraços

      Responder

    1. Prezado Marco,
      Que bom que gostou! Não deixe de assinar nossa newsletter para receber semanalmente em seu e-mail, um resumo dos posts da semana.
      Abraços,

      Carina Lima

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *